Nos últimos meses Iggy Azalea veio sofrendo pelo preço alto da fama. Depois de fazer um sucesso mundial com “Fancy” em 2014, a cantora começou a sofrer pressões de todos os lados, principalmente por ser uma rapper branca em um local dominado por negros como o Hip-Hop.

Driblando a negatividade, a cantora pode contar vitória e lançou o primeiro single de seu álbum de inéditas ainda hoje (18), “TEAM”, que abre os trabalhos do “Digital Distortion. Porém, nem sempre ela pensou positivo. Em entrevista para a rádio Power 106, Azalea revelou que em alguns momentos quis “acabar” com a sua vida.

“Houve momentos que eu só queria parar a minha vida de vez, realmente”, disse ela. “Às vezes só queria pegar meus cavalos para andar pelos canyonse continuar andando com eles sem rumo, sem direção”, disse ela. “Eu vivo nesse país por trabalho, por isso, eu não tenho um emprego certo, isso significa que eu posso ir para casa se algo der errado – minha vida toda está aqui”, terminou.